Nabokov e as borboletas

Aos poucos vou lendo os Contos reunidos de Nabokov, e hoje ressalto uma passagem que me interessa particularmente, pela relação com o post anterior neste blog:  a ideia sobre um idêntico gesto de captura, seja em direção a palavras ou imagens. Essa foto do escritor russo, que abre a edição da Alfaguara, é uma das mais belas que já vi: a atitude imóvel de expectativa, de tensão criadora, o gesto suspenso à espera de que a presa pouse… não é exatamente isso o que faz um artista, seja em que área for?

Vejam se o trecho abaixo, retirado do conto “O aureliano”, não pode ser tomado de maneira belamente metafórica:

“O que desejava, com uma intensidade quase mórbida, era ele próprio pegar com a rede as mais raras borboletas de países distantes, vê-las voando com seus próprios olhos, ficar enfiado no mato até a cintura e sentir o final do movimento da rede chiando, e depois o furioso pulsar de asas através da dobra da seda entre os dedos.” (p.311)

Parece que vejo o escritor falar não de insetos, mas de palavras – e os países estrangeiros (Estados Unidos, Alemanha, Suíça), com suas línguas, eram seduções que ele ia, pouco a pouco, colecionando.

Claro que os imediatistas dirão que não é nada disso, que Nabokov simplesmente era, além de escritor, um estudioso de lepidópteros, atuando também como desenhista de borboletas para a sua amada Vera. Quem duvida pode visitar o acervo de borboletas que ele deixou e hoje está no museu de zoologia de Lausanne – e pode ainda consultar alguns textos confessionais, nos quais o famoso autor de Lolita sonhava com uma vida diferente, em que ele seria “feliz de uma outra maneira, como um obscuro entomologista”. Os argumentos são válidos, porém… prefiro continuar olhando esta imagem como se adivinhasse que Nabokov espreita algo, qualquer coisa – não apenas borboletas, mas todos os seres que sabem voar.

 

Um pensamento sobre “Nabokov e as borboletas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s